press to zoom
Torna-se ruína, 2019
Torna-se ruína, 2019

Bordado sobre voil, carne, vidro, tule, espinhos e objetos apropriados.

press to zoom
Já que sou pedaço desse chão, 2019
Já que sou pedaço desse chão, 2019

Monotipia e ferrugem sobre algodão cru, terra e objetos apropriados.

press to zoom

Banho Rubro, 2019

Instalação

Bordado e monotipia sobre tecidos e apropriação de objetos.

Banho Rubro, 2019 inicialmente foi desenvolvida através do processo curatorial de seleção de objetos antigos de cunho familiar com histórias próprias e marcados pelo tempo. Através de intervenções manuais sobre os mesmos e da criação de novos elementos a partir de materiais antigos a obra busca criar narrativas acerca da memória individual e coletiva, propondo a projeção da personalidade humana sobre os objetos.

 Ao longo do desenvolvimento do trabalho questões que tangem a morte e a culpa destacam-se resultando na ação de desenvolver materiais que representam o acolhimento de sentimentos revoltos e instáveis por ambientes confortáveis e afetuosos. A obra assume caráter mortuário e passa a propor a despedida e o velamento de conflitos incubados, ainda que prejudiciais, presente no subconsciente do indivíduo enlutado.

Participação na exposição Nosso olhar é caminho, 2019